sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

Máscaras...

 O hábito que pessoas  tem em disfarçar. quem realmente são, implica em muitas vezes perderem a noção de intimidade consigo mesmas. Quando isto funciona no automático a pessoa acredita tanto no personagem que fica tão árdua a tarefa de conviver junto com elas, pois ali está um estranho todo dia...

Esta vida cercada de digitalizações e velocidades para tudo, potencializa o viver sob máscaras.
E, se já era raro pessoas estarem inteiras com as outras, agora significa que estão somente em parte consigo mesmas também, e o desafio de que temos é, seguir junto com estreitamento do mundo mas cheios de aproximação real. Quem se habilita?

Quem sou eu

Minha foto

Que bom seria todos os dias beber da alegria e dormir com a esperança! E mesmo que assim não seja, sempre que tenho sede de viver me encho de fé porque estou indo na direção da luz, do conhecimento e do respeito pela vida.